| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

Evangelho de Cristo
Desde: 24/10/2016      Publicadas: 5      Atualização: 05/11/2016

Capa |  Missões  |  Santidade


 Missões

  24/10/2016
  0 comentário(s)


Cristianismo se fortalece na Índia, apesar da perseguição religiosa

Cristianismo se fortalece na Índia, apesar da perseguição religiosa. Exemplo deste fortalecimento é a Igreja `Templo do Calvário´, que já tem ...

Cristianismo se fortalece na Índia, apesar da perseguição religiosa
Apesar de ser uma nação predominantemente hindu, a Índia está vendo um forte crescimento das igrejas, formadas por membros "de todas as castas", de acordo com a revista internacional 'Christianity Today'.

Dos fazendeiros aos moradores das grandes cidades, os cristãos da Índia estão levando as igrejas a um crescimento significativo no país.

De acordo com a revista, existem aproximadamente 60 milhões de cristãos no país (católicos e protestantes), enquanto cerca de 1 bilhão de habitantes são hindus. Apesar da disparidade entre as religiões, o crescimento do cristianismo tem sido surpreendente na nação.

Em uma comunidade de agricultores no Rajastão, por exemplo, uma congregação realiza cultos, com cerca de 2 mil membros todos os domingos. Em alguns casos, os membros de uma mesma família acabam se revezando para ir aos cultos, porque alguém precisa ficar cuidando dos animais da fazenda.

A igreja desta comunidade é pastoreada por Bhagwana Lal, que vem de uma casta considerada abaixo dos 'Dalits' [considerados na cultura indiana como um grupo social "desprezível"].

Outra igreja na cidade de Hyderabad, que pode acomodar 35 mil pessoas, fica lotada durante cada um de seus cinco cultos, todos os domingos. O Templo do Calvário é considerado atualmente a "maior igreja da Índia" e é pastoreada por Satish Kumar.

"Muitos ocidentais pensam que nada está acontecendo entre os cristãos na Índia", disse Kumar, referindo-se aos cristãos de fora de seu país. "Temos que mudar essa imagem".

Em agosto (2016), a Sociedade Evangélica da Índia divulgou um relatório, documentando um aumento nos casos de perseguição contra os cristãos, referente ao primeiro semestre do ano. O relatório identifica "134 incidentes de violência, religiosamente motivados contra os cristãos" nos primeiros seis meses do ano.

O número foi bastante elevado em comparação a 2014 (147 casos) e 2015 (177 casos), considerando que este relatório mais recente foi apenas sobre a primeira metade do ano.

O relatório associa o aumento da violência contra os cristãos à "imponência sinistra e repugnante" das autoridades ligadas ao Primeiro Ministro Narendra Modi, particularmente nos estados de Chhattisgarh, Madhya Pradesh e Uttar Pradesh, os três com maior número de incidentes de crimes de ódio.

Atualmente a Índia ocupa a 17ª posição na Lista de Países com Perseguição Religiosa, atualizada anualmente pela Missão Portas Abertas. A organização descreve o nível de perseguição no país como "severo" e a Sociedade Evangélica da Índia disse que o nível de impunidade para os extremistas hindus aumentou.

No entanto, enquanto o mundo pode estar vendo a perseguição religiosa como o principal desafio entre as igrejas cristãs na Índia, os líderes cristãos identificaram um desafio ainda maior: treinar mais pastores para acompanhar o rápido crescimento da Igreja no país.
  Autor:   Raphael Henrique





Capa |  Missões  |  Santidade
Busca em

  
5 Notícias